Funcionalidades em destaque do sistema Aspec Tributos

De forma 100% web, é possível aperfeiçoar a gestão tributária e potencializar a arrecadação do seu município. Quer saber como? Através destas funcionalidades do Aspec Tributos isso será possível. Confira:

Sumário


Declaração Eletrônica de Serviços de Instituições Financeiras (DES-IF)

voltar para o topo

A ferramenta possibilita o gerenciamento do ISS de forma mensal, para cada situação (evento) ocorrida nas instituições financeiras e feita por meio do envio de arquivos específicos.

Além de promover mais agilidade e eficiência na arrecadação, diminui erros por parte da fiscalização municipal.

Como funciona?

  1. As instituições financeiras geram um documento conforme especificado no layout disponibilizado pelo sistema. O arquivo contém informações sobre as atividades prestadas e suas bases de cálculo para cobrança do ISS.
  2. Depois de gerar o documento, é necessário realizar o seu upload para o sistema Aspec Tributos. Lá as informações serão processadas e o próprio sistema realizará a geração do imposto para pagamento.
  3. A equipe tributária municipal terá total transparência sobre os dados declarados, como o acesso às declarações de entrega e ao arquivo de processamento utilizado.

Quais os benefícios?

  • Eficiência na arrecadação por meio de uma ferramenta prática e regulamentada;
  • Obrigação acessória mensal realizada através do envio de arquivos padronizados;
  • Praticidade no processo de fiscalização do ISS das instituições financeiras.

Cadastramento Imobiliário Inteligente

voltar para o topo

A funcionalidade facilita a inclusão dos dados, proporcionando mais agilidade e possibilitando a extensão do seu uso para qualquer usuário conforme interesse da Prefeitura.

Além disso, a tecnologia responsiva do sistema tributário da Aspec permite a alimentação do banco de dados do município através de qualquer dispositivo móvel, sendo possível sua utilização in loco, sem acarretar prejuízos na informação.

Como funciona?

  1. Por meio da internet, o usuário poderá atualizar ou incluir novos imóveis no banco de dados;
  2. Após a confirmação dos dados pelo usuário que atualizou as informações in loco, o imóvel já encontra-se apto para a cobrança do IPTU, caso atenda aos critérios legais da cobrança;
  3. O recadastramento inteligente aproveita os dados já inclusos no sistema, como CPF e CNPJ dos contribuintes, bairros, logradouros e demais informações de endereço, facilitando o processo de inclusão e de atualização.

Quais os benefícios?

  • Celeridade na digitação dos dados que torna o processo em si mais produtivo;
  • Tecnologia web e responsiva, que pode ser acessada por dispositivos móveis;
  • Fácil manutenção e personalização que geram mais autonomia à equipe responsável.

Pagamentos Bancários via PIX

voltar para o topo

O PIX, modalidade de pagamento lançada pelo Banco Central, tornou-se fundamental no âmbito financeiro brasileiro. Para facilitar a gestão tributária municipal, o sistema Aspec Tributos também aderiu à facilidade.

Como funciona?

  1. O município cadastra a sua chave PIX junto ao Banco e solicita que a mesma seja compartilhada com o sistema Aspec Tributos. Após o deferimento, o sistema utiliza a chave para parametrização;
  2. Após as configurações necessárias, todo e qualquer DAM emitido no programa terá um QR Code que conterá a chave fornecida pela entidade para a realização do pagamento, que poderá ser feito em qualquer instituição financeira.

Quais os benefícios?

  • Gera comodidade ao contribuinte que pode realizar pagamentos a qualquer momento;
  • Rapidez na identificação do pagamento, gerando mais agilidade na liberação de documentos públicos, como certidões, notas fiscais e licenças;
  • Redução da burocracia;
  • Eliminação da necessidade de estabelecer convênios de arrecadação com várias instituições financeiras. Esta qualidade promove um ambiente de tarifas baixas ao reduzir os custos bancários de forma significativa.

Autenticação de documentos via QR Code

voltar para o topo

No intuito de modernizar as práticas de fiscalização do município, o sistema disponibiliza o QR Code, que garante mais praticidade e segurança na emissão e autenticação de licenças e documentos fiscais de uso cotidiano (alvarás, certidões negativas e notas fiscais).

Como funciona?

  1. Os documentos abrangidos por essa tecnologia já trazem o QR Code em seu escopo, portanto, ao apontar o leitor para o QR Code, será disponibilizado um link de acesso que certificará a veracidade do mesmo. Caso o QR Code seja inválido, o sistema mostrará uma mensagem informando sobre a não existência do registro.

Quais os benefícios?

  • Inibe a possibilidade de falsificação dos documentos;
  • Gera rapidez na conferência dos documentos públicos;
  • Substitui as assinaturas manuais pelos registros de veracidade (via regulamentação);
  • Para os contribuintes, extingue a necessidade de antenticação de documentos pelos cartórios, trazendo mais comodidade e redução de burocracia.

Solicite uma demonstração